Sexta-feira, 20 de Julho de 2007

PORTUGAL, ESPANHA, IBÉRIA, …

001rb8sa

 

Dois comentários de bloggers espanhóis no post de Daniel sobre Saramago "ibérico":

 

A mí Iberia me gusta, es el nombre que le dieron los griegos, aunque debo recordar a todos que España es un término si cabe más antiguo.

Fueron los fenicios (anteriores a los griegos) quienes dieron nombre a la península: Spania, "tierra de conejos" (eran unos cachondos); de ahí los romanos transformaron el nombre en Hispania. Tal nombre englobaba a la totalidad de la península, por lo que portugueses, andaluces, vascos, murcianos o catalanes, todos pisan suelo español, o hispánico, o de Spania.

Los únicos que podrían desmarcarse son los insulares y, claro está, ceutíes y melillenses.

Por tanto, por las razones arriba expuestas, si de unificar la península se trata (cosa que me parece una tontería por cierto), yo voto por seguir llamándola España.

España, Espanha, Espanya, etc.

---------

Es incomprensible que alguien de Portugal pueda pensar algo así. Lo entendería si lo dijera un naZi-onalista español, porque ya se sabe cuánto se ensanchece su ego cuando oye hablar de la cojonada esa del Imperio donde nunca se pone el Sol. Son la Nueva Servia. De hecho hace unos años apareció una encuesta en la que un 28% de portugueses de declaraban a favor de la Unión frente al 47% de españoles. Ésa, y no el PP, es la gran dificultad para formar una Iberia.

Una vez compré una toalla portuguesa (producto nacional portugués por excelencia) que decía algo similar a Orgullosamente fabricado en Portugal. Lógico que los portugueses se sientan orgullosos de su país. Portugal representa el ideal de estado-nación: dimensiones medianas y muy homogéneo desde el punto cultural y lingüísitico (de hecho, es uno de los estados más homogéneos del mundo). Además es socio de la UE y la ONU al igual que España. Es cierto que su economía no es de lo más fuerte, pero no nos engañemos, no están peor que España y que la inmensa mayoría de estados de Europa Oriental. Además, hace unos años salieron de una crisis económica muy fuerte y ahora vuelven a crecer. No es razón para unirse con España.

Canviar todo eso para ser una Comunidad Autónoma con una lengua relegada a una segunda posición respecto al español (bueno para Saramago debe ser el idioma ibérico) y que deba pedir permiso para cualquier cosa a Madrid me parece de locos.

Además, para crear uniones y hacer proyectos colectivos ya existe otro ente mucho más interesante que la Iberia de Saramago: la Unión Europea, una Unión de iguales donde Portugal siempre será mucho más respetada como nación que dentro de España.

Publicado por João Tunes às 16:41
Link do post
De filomeno a 20 de Maio de 2008
Refrán español: Eres más finchado que un Portugués
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

j.tunes@sapo.pt


. 4 seguidores

Pesquisar neste blog

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

Nas cavernas da arqueolog...

O eterno Rossellini.

Um esforço desamparado

Pelas entranhas pútridas ...

O hino

Sartre & Beauvoir, Beauvo...

Os últimos anos de Sartre...

Muito talento em obra pós...

Feminismo e livros

Viajando pela agonia do c...

Arquivos

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Junho 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Links:

blogs SAPO