Quinta-feira, 17 de Março de 2005

PONCE, OLÉ!

capt.sge.tom83.160305214657.photo00.photo.default-388x254[1].jpg

Enrique Ponce a brilhar em casa (Valencia).
Publicado por João Tunes às 00:55
Link do post | Comentar

RENDER DA GUARDA EM SÃO BENTO

capt.sge.lrx94.170205215743.photo00.photo.default-389x274[1].jpg

Está usado e gasto o espiche populista-direitista anti-políticos assente nas certezas estúpidas e igualitárias-colectivistas de sempre: são todos iguais, estão lá para o mesmo, querem é tacho e penacho. Ou, numa mais moderna e mediática versão - falam, falam e não os vejo a fazer nada. No fundo, apenas a velha nacionalização da preguiça ressentida quanto ao exercício da cidadania.

Mas o argumento ainda cola. Continua a colar. E o que me preocupa mais é que, nas bolsas onde os anti-políticos sobrevivem, normalmente termina-se com uma saudade mitificada de Salazar. Ou seja, domina o sentido protector do abrigo no mando único sobre o emaranhado dos atalhos. No fundo, muitos (demasiados) portugueses continuam órfãos da âncora autoritária desta simplificação que me indignou a juventude – Uma Nação / Um só Chefe / Quem manda? / Salazar! / Salazar! / Salazar! (cantilena que ouvi e debitei, vezes de mais, perfilado e fardado de lusito da Mocidade Portuguesa - à força -, com o braço e palma da mão estendida, e que só depois lhes descobri as semelhanças com as saudações juvenis encenadas perante Mussolini e Hitler). A maioria destes preguiçosos que atalham pela autoridade os caminhos da complexidade que os confunde não foram lusitos e aí têm o seu luminoso álibi – podem defender o não sofrido. Estúpidos serão mas desculpados estão.

Vêm estes desabafos a propósito da rendição da guarda na Assembleia da República. Acto simples e cheio de dignidade que enobrece a política. Mota Amaral (um homem com um largo trajecto parlamentar que vem desde que aquela – mas outra - Assembleia serviu o fascismo) introduziu na função de Presidente da AR uma vivacidade, humor, irreverência e dignidade lúdica no anti-formal, tornando a Assembleia num órgão a remar contra a sonolência chata dos rituais esgotados. Mereceu, por isso, ser saudado na despedida com apreços irrecusáveis. Jaime Gama, no seu típico ar de jacobino cristão, e sendo, como é, um Senhor da nossa vida democrática, é um símbolo também irrecusável de democracia adulta. Resumindo: uma nobre e estimulante passagem de testemunho.

Pelos vistos, os grupos parlamentares não quiseram ficar atrás da força da mudança hierárquica no topo dignatário. O PS promete com a troca do manga de alpaca Tó Zé Seguro pelo político elaborado Alberto Martins. O PCP promete, também, trocando o Bernardino pelo Soares e sem que isso afecte a fidelidade a Cuba e à Coreia do Norte (o que é obra). No lugar de Louçã, teremos Fazenda, mas Leon e Enver já cá não estão para caviar conflitos ideológicos entre si. No PSD e no CDS, logo se verá, mas há tempo de sobra para esperar que a direita se recomponha. E só faltaram os que não entraram.

Com as suas maleitas e infantilidades, a democracia segue em frente. E mais forte. Foi o que me pareceu.
Publicado por João Tunes às 00:21
Link do post | Comentar
Quarta-feira, 16 de Março de 2005

FORÇA FABIANO!

6899[1].jpg

É só aparência se pareci um desalmado no comentário ao meu amigo Werewolf.

Um homem não é feito de pau e comove-se sempre com estas coisas. Já assim tinha sido com o Robinho. Conheço São Paulo o suficiente para entender como elas acontecem por lá. As desigualdades são muitas e agora deu-lhes para raptar as mães dos futebolistas endinheirados com euros. Não é pior nem melhor que outras sacanices à Zé do Telhado. Mas deixem as mães em paz. Raptarem-nos a Mãe é não só dinheiro que está em causa, tiram-nos o útero (e todos nós sabemos que só simbolicamente de lá saímos). E isso é arrancar a parte mais importante que cada pessoa carrega vida fora. Não se faz a ninguém (porque não raptam o pai, o padrasto, o tio, o avô, o Presidente deles ou o Bush?).

Como um azar nunca vem só, Pinto da Costa prometeu dedicar a eliminação do Inter ao Fabiano. Mal estava o Fabiano, pior ele ficou. Agora, sem Mãe e sem Liga dos Campeões. E se a primeira (oxalá assim seja!) ainda a pode reaver (questão de puxar os cordões à bolsa, como o Robinho), a dedicatória amaldiçoada do PC, essa fica sem apelo nem agravo e como sinal de azar. O PC devia saber que, este ano, deve abster-se de dedicar o quer que seja. Mas o homem é teimoso…

Se um rival pode ajudar alguma coisa em reparo, aqui fica expressa, azul no branco, a minha solidariedade com o Fabiano e com o Werewolf (conta aí, amigo Mário, este ano já vai em duas!).
Publicado por João Tunes às 15:41
Link do post | Comentar | Ver comentários (1)

HÁ QUEM CUIDE DA MEMÓRIA

lthumb.jrl12203161151.mideast_israel_holocaust_museum_jrl122[1].jpg

Inaugurado o Museu de História do Holocausto em Jerusalém.

Há quem cuide da memória colectiva. Noutros lados (expl: por cá), aos pedaços que sobram como símbolos da tirania, espera-lhes o camartelo. A quem interessa a desmemória?
Publicado por João Tunes às 12:22
Link do post | Comentar | Ver comentários (1)

JÁ ESTÁ NA AGENDA

catedra[1].jpg

”No dia 22 de Março (terça-feira), às 21 horas, haverá um debate sobre «A Laicidade em Espanha» no Centro Escolar Republicano Almirante Reis (Rua do Terreirinho nº77, na Mouraria, em Lisboa).
O debate contará com a presença de Juan Barón, da Asociación Europa Laica, e de Luis Mateus e Ricardo Alves, da Associação República e Laicidade.
Será uma ocasião única para debatermos a progressão recente da laicidade num país próximo do nosso e onde a situação (ensino da religião nas escolas, financiamento da ICAR, casamento civil) tem evoluído rapidamente.”
Publicado por João Tunes às 10:57
Link do post | Comentar
Terça-feira, 15 de Março de 2005

EFEMÉRIDE POR EMPRÉSTIMO

quartier_latin[1].jpg

Eu sei que acumulo carga de o detestar, se assim se pode chamar muitos anos a recusar lê-lo. Eu sei que é pior. Foi ópio. Pois foi. Mas não perdeu pela demora. Depois da ressaca, veio a bonança. Até me justifico dizendo que o li na melhor fase. Na fase adulta, como sói dizer-se.

Se isso serve de atenuante, direi que o sacana do Sartre nunca me levou à certa. Nem ele nem a vestal Simone que jogou com ele o sado-masoquismo. E porque andaram, feitos ginjas, a imitarem os putos do Quartier Latin. Daí nunca terem passado de pedófilos do pensamento e da acção.

Pois o Raymond teve razão. Antes de tempo, mas razão. Por isso, em vez de assumir a efeméride, limito-me a saudar a efeméride registada no Fumaças que tem direitos de antiguidade intelectual. Humildade democrática, é o que é. Mais bem dito: preciosismo de um sub-aluga da blogosfera.
Publicado por João Tunes às 23:38
Link do post | Comentar | Ver comentários (5)

A imponência do exagero gótico

duomo1[1].jpg

Digam-me, os que conhecem, além da sua Catedral, Milão vale o quê?

Adenda:
Como se não bastasse o slogan revivalista do último fim-de-semana
"O QUE É NACIONAL É BOM",

vem agora a Cibertúlia meter mais lenha na fogueira com esta nova versão:
"O que é Internazionale é bom".

(Infelizmente, esclarece o Marujo. Concordo, claro que concordo. Só posso concordar.)
Publicado por João Tunes às 22:45
Link do post | Comentar | Ver comentários (11)

NÃO ABUSEM

doalbum_14abr02[1].jpg

Passou o Sócrates, sem carisma, e até passou bem. OK. Cada caso, um caso. E não convém abusar da sorte e das circunstâncias. Porque, não poucas vezes, a estrelinha adormece.

Não se lembrem do Guterres – para perder com o Cavaco.

Nem do Ferro – para perder com o Santana.
Publicado por João Tunes às 17:51
Link do post | Comentar | Ver comentários (4)

TGV para quando?

doalbum_15abr02[1].jpg

Vamos lá a despachar, oh Mário Lino. Ou seja, desensarilhar o que o Mexia ensarilhou. Em L, em T, em H, no desenho que seja. Já que não pode ser em Q (o meu desenho preferido que era para cobrir o País todo mais um braço para Espanha-Europa). Mas é uma barbaridade económica e ecológica a falta de alternativa ferroviária à circulação rodoviária. Invistam no futuro, sff.
Publicado por João Tunes às 17:42
Link do post | Comentar | Ver comentários (2)

JUIZES DE CRIME PRÓPRIO

polinices.fen[1].jpg

Segundo a organização Repórteres Sem Fronteira, os campeões a meterem jornalistas nas prisões são:

1º) China – 27 jornalistas presos.

2º) Cuba -21 jornalistas presos.

3º) Eritreia – 13 jornalistas presos.

4º) Nepal – 9 jornalistas presos.

China, Cuba, Eritreia e Nepal fazem parte da Comissão dos Direitos do Homem da ONU.
Publicado por João Tunes às 17:17
Link do post | Comentar | Ver comentários (2)

MULHER SOCIALISTA

a_g.jpg

Que o estimado WR não agrave eventual mal de cervical (acontece aos melhores) a olhar para as paredes desbotadas de murais corroídos pelo tempo à procura da Mulher Socialista.

Nada como ir às fontes. Se a caliça comeu a pintura, leia-se uma pintora que o deve ter sido (de paredes). Como nas páginas amarelas, procure aqui.
Publicado por João Tunes às 16:59
Link do post | Comentar

EFEITO DE COMPENSAÇÃO

s_j.jpg

O que falta no governo dá o Marujo com juros de regalar.
Publicado por João Tunes às 16:09
Link do post | Comentar

UMA ÁRVORE É MAIS DIGNA QUE UM ALENTEJANO?

DSCN2408a[1].jpg


Não. Não é. Pelo menos, no último dos direitos.
Publicado por João Tunes às 15:40
Link do post | Comentar
Segunda-feira, 14 de Março de 2005

PARÓDIA DE DESEMPREGADO

circo_1.jpg

Um tipo que eu cá sei vai estar uns meses como Presidente da maior Câmara Municipal porque estava desempregado!
Publicado por João Tunes às 23:57
Link do post | Comentar

O QUE ACABOU TAMBÉM COMEÇOU

ESC.jpg

Há uma memória para recuperar e mostrar aos que ainda dizem que a descolonização foi um crime.
Publicado por João Tunes às 23:36
Link do post | Comentar

j.tunes@sapo.pt


. 4 seguidores

Pesquisar neste blog

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

Nas cavernas da arqueolog...

O eterno Rossellini.

Um esforço desamparado

Pelas entranhas pútridas ...

O hino

Sartre & Beauvoir, Beauvo...

Os últimos anos de Sartre...

Muito talento em obra pós...

Feminismo e livros

Viajando pela agonia do c...

Arquivos

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Junho 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Links:

blogs SAPO