Quinta-feira, 9 de Dezembro de 2004

SULITÂNIA MARIANA OU COMO FUI ABANCAR A UMA ANTIGA FÁBRICA DE MOAGEM

Imagens antigas 071.jpg

Pois é, nada é perfeito neste mundo. Nem a Sulitânia, que não informa convenientemente os seus efectivos e potenciais clientes.

Na porta, afixou-se horário: fecha à segunda e não serve jantares aos domingos. E ontem, dia mariano de sol, quarta-feira, este sedento de comida alentejana e com ímpeto prazenteiro de dar um abraço de apresentação ao compadre Isidoro (que, no Vimieiro, chamam de Jaquim), pôs-se a caminho, de braço dado com a companheira, e deu com as fuças no portal encerrado, a ouvir a prédica do pároco que ecoava de dentro da bonita igreja com esbelto coreto acoplado. E achei mal que, em vez de comida, levasse com dose de homilia. Pedidas explicações aos compadres do Vimieiro para tamanha desfaçatez, veio a explicação: "ui, esse compadre não é daqui, é de Évora e vive por lá, a esta hora deve estar a rezar o terço à Nossa Senhora da Conceição lá na Capela dos Ossos e hoje até deve ser dia de o homem cumprir jejum" . Pois tudo bem. Cada qual com os seus cultos. Mas faltou o devido aviso (de que já notifiquei a DECO, para conveniente protesto junto do ex-ministro do turismo) de que o patrão da Sulitânia cumpre religiosamente os cultos marianos, acrescentando feriados apostólicos-romanos às segundas das folgas.

Acabei por abancar na concorrência para limpeza da afronta. Na excelente antiga fábrica da moagem ali a três passos, dirigida por restauradores e hoteleiros enérgicos que não perdem no negócio por mor de fanatismos religiosos, e um espanto de que recomendo visita como digestivo à fruição gastronómica na Sulitânia. E valeu a pena, sobretudo por ver entrar mais outros companheiros blogueiros que igualmente bateram com o nariz na porta fechada da Sulitânia. E, mais uma vez, confirmei que o mercado não dorme, antes se mantém atento às falhas no fornecimento de produto.

Fica pois o aviso do horário real para que outros tantos não façam a mesma da minha palerma figura – não se atrevam a meter pés ao caminho até ao Vimieiro - na estrada entre Arraiolos e Estremoz - em culto à Sulitânia, para projectos de jantares de domingo ou comedorias nas segundas-feiras mais nos dias santos. Quanto à valia nos dias certos, nada digo, direi em próxima oportunidade a tentar em dia de um santo ou uma santa que sejam pagãos.
Publicado por João Tunes às 12:21
Link do post | Comentar
1 comentário:
De Tiago a 1 de Março de 2010 às 13:00
Viva,

A Sulitânia está de volta e por isso venho convida-lo a visitar o espaço com nova gerência e com todos os sabores típicos da região.
A ideologia base com que foi criada esta casa de comes e bebes mantém-se e agora com garantias que não bate com o nariz na porta, estamos a sua espera para tentar contrariar o artigo de opinião ao qual comento e abrir horizontes para uma nova crónica.
Aberto: Sexta, sábados e domingos.
www.restaurantesulitania.com

Comentar post

liuxiaobo.jpg

j.tunes@sapo.pt


. 4 seguidores

João Tunes

Pesquisar neste blog

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts recentes

Nas cavernas da arqueolog...

O eterno Rossellini.

Um esforço desamparado

Pelas entranhas pútridas ...

O hino

Sartre & Beauvoir, Beauvo...

Os últimos anos de Sartre...

Muito talento em obra pós...

Feminismo e livros

Viajando pela agonia do c...

Arquivos

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Junho 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Maio 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004

Links:

blogs SAPO